Ação rápida das polícias Militar e Civil prende dois envolvidos em homicídio na cidade de Canindé de São Francisco, Sergipe

Foto: Maikon Douglas da Silva e Bruno Emanoel da Silva | Depol Canindé

Na tarde desta terça-feira, 11 de junho de 2019, por volta das 12h35min, policiais civis e militares foram solicitados para averiguar uma situação de homicídio na Avenida Getúlio Vargas, Bairro Olaria, na cidade de Canindé de São Francisco, região do Sertão de Sergipe. Com a chegada dos policiais ao local foi constatado o óbito de José Messias Farias Silva, 36 anos de idade.

Logo após a solicitação, as equipes coordenadas pelo Delegado Fábio Santana e pelo Major Vitor do 4º Batalhão de Polícia Militar do Estado de Sergipe, em ação conjunta, identificaram os autores do delito e efetuaram a prisão, no Bairro Olaria, de um comparsa dos autores, identificado como Bruno Emanoel da Silva Carvalho, conhecido por “Zé Pequeno”, 18 anos de idade, que indicou onde os autores estariam escondidos. As equipes policiais diligenciaram-se ao local, na localidade do Bairro da Torre, e foram recebidas por disparos de arma de fogo, efetuados pelo suspeito identificado como Edilson da Silva Nascimento, 22 anos de idade, conhecido por “Inhônho”, o qual não resistiu aos ferimentos causados pela ação defensiva da polícia.
Foto: Edilson da Silva Nascimento "Inhônho" |
Depol Canindé/SE

O terceiro envolvido, identificado como Maikon Douglas da Silva, 22 anos de idade, que teria apontado onde estaria a vítima a qual foi executada por “Inhônho”, foi preso ao tentar evadir-se pelas portas do fundo da residência.

Na operação foi apreendida a arma utilizada no homicídio e na ação contra os policiais, munições, uma balança de precisão e duas armas brancas. Em desfavor de Bruno Emanoel da Silva Carvalho pesa mandado de prisão preventiva por delito de homicídio tentado no estado da Bahia e em desfavor de Edison da Silva Nascimento pesa mandado de prisão preventiva por delito de homicídio praticado no estado de Alagoas.

Os três indivíduos eram investigados por delitos de roubo e tráfico de drogas praticados na cidade de Canindé de São Francisco. "É importante, ainda, que a sociedade continue colaborando ligando para o Disque Denúncia por meio do número 181, como também para o 190 da Polícia Militar. É gratuito e sigiloso", ressalta o Tenente-Coronel Ianderson Coutinho, comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar do Estado de Sergipe.


Por Damião Feitosa do Jornal do Sertão
Jornalista DRT 0005839/BA 
Google Plus

1 comentários: